Qual é o significado das joias religiosas?

Qual é o significado das joias religiosas?

Apesar de estar em evidência nos artigos e nas revistas de moda, o uso de joias religiosas não é nada recente. O ouro é conhecido e utilizado como adereço há mais de 6000 anos, e sempre foi envolvido de misticismo e significados.

Acredita-se que um dos primeiros povos a usarem joias com significado religioso foram os egípcios, há mais de 5000 anos atrás. Símbolos que representavam criação e proteção eram combinados com outras pedras preciosas encontradas na região. Os gregos também utilizaram diversas peças de joias com significados religiosos, assim como celtas e os romanos.

Com o crescimento do Cristianismo e a obrigatoriedade da religião no império romano, as joias religiosas entraram na cultura cristã. Crucifixos, escapulários e relicários eram, além de símbolos de fé, usados para mostrar poder e status. Essas joias passaram pelo teste do tempo e continuam presentes na nossa cultura como símbolo material da fé espiritual e uma forma de professá-la publicamente.

Joias com crucifixos

A cruz é, com certeza, o símbolo mais importante de todo o cristianismo. Sua imagem simboliza o sofrimento de Jesus Cristo,  que morreu pelos pecados da humanidade para, assim, salvá-la do sofrimento eterno.

E é por isso que os crucifixos são tão populares e são usados nas mais diferentes ocasiões, seja como uma lembrança do sacrifício de Jesus Cristo ou como uma mostra material da fé. Além das cruzes tradicionais, existem diversas opções estilizadas, como a tradicional oração de Pai Nossopingente-cruz-de-sao-bentoEu quero

A igreja católica conta com outras variações e versões de cruzes. Muitos devotos acreditam na proteção e no potencial de afastar energias negativas da Cruz de São Bento.  A Cruz de Tau, que também pode ser chamada de Cruz de São Francisco é muito usada como pingente. Seus traços simples, um vertical e outro horizontal, representam o céu e a terra.

Joias de Nossa Senhora Aparecida

A Nossa Senhora da Conceição Aparecida, mais popularmente conhecida como Nossa Senhora Aparecida, é a santa padroeira do Brasil, das grávidas e recém-nascidos, do mel, da beleza, do ouro e dos rodeios.

Acredita-se que sua aparição tenha sido testemunhada por pescadores no Rio Paraíba do Sul, na cidade de Guaratinguetá. Desde então, a santa conta com inúmeros devotos. Ela foi considerada rainha e padroeira do Brasil em 1930, pelo Papa Pio XI.

As joias religiosas em homenagem à Nossa Senhora Aparecida variam desde medalhas de ouro até anéis com a sua imagem.  As numerosas opções garantem que devotos possam encontrar sua forma preferida de homenagear a padroeira.

joias-reigiosaseu quero

Joias religiosas com símbolos

Todas as religiões contam com símbolos sagrados, com os mais diferentes significados. Por exemplo, o cristianismo conta com a cruz, símbolo do amor do Deus cristão por seus filhos, o judaísmo com a Estrela de Davi, símbolo de proteção e a ligação entre céu e terra.

Existem também aqueles símbolos divididos por mais de uma religião, como a Mão Hamsá ou Mão de Fátima. Popular em culturas islâmicas, egípcias e judaicas, acredita-se que o símbolo tem poder de defesa contra mau-olhado e energias negativas.

O Cristianismo acredita na Santa Trindade, que é definida como o Deus que se divide em três: o Deus Pai, Jesus Cristo e o Espírito Santo. Para os cristãos, o Espírito Santo desceu dos céus após a ascensão de Jesus e, por isso, muitas vezes é ele representado por uma pomba.

Independentemente de qual é a sua religião, o importante é acreditar na harmonia entre os povos. O uso de uma joia personalizada com símbolo religioso serve, também, para lembrar-nos deste grande propósito da fé.

joias-religiosas

 

 

1

1 Comment

Deixe um comentário.